Seguidores

10 de set de 2011

Prêmio Furnas Ouro Azul




Faça a sua parte!

Comemorando sua 10ª edição, Prêmio Furnas Ouro Azul convida público para inscrever projetos que visam a proteção das águas


Belo Horizonte, 18 de agosto de 2011 – Todos sabem que a água é um bem precioso para a vida no planeta e, que devido a ação do homem, pode se tornar cada vez mais escasso. Por este motivo, as iniciativas individuais, por mais simples que sejam, como criar um mecanismo que elimine o ar que existe na torneira da sua residência, podem contribuir muito para a preservação deste bem tão importante.


Mais que uma atitude, é preciso estimular mudanças no comportamento das pessoas. Por isso, os Diários Associados, por meio do jornal Estado de Minas, e o Sistema Eletrobrás Furnas, lançou no dia 21 de agosto a 10ª edição do Prêmio Furnas Ouro Azul, projeto que incentiva e premia a criação de soluções viáveis para revitalização e conservação dos recursos hídricos em Minas. São 10 anos destacando e premiando importantes projetos, individuais ou em grupo, que têm em comum um só objetivo: mostrar que todos nós podemos fazer a diferença. 


Reconhecido nacionalmente, o Ouro Azul valoriza iniciativas que abordam a preservação da água. São sete categorias distintas e proporcionam a oportunidade de todos mostrarem seus projetos, sejam empresas públicas; privadas; estudante ensino superior; mestrado/doutorado; comunidade; pessoas física e mirim. Afinal, todos nós somos responsáveis pelo uso sustentável da água e a plena participação é essencial para o sucesso deste prêmio.

Faça a sua parte. Se você tem um projeto que contemple a preservação e conservação das águas, se inscreva no site www.ouroazul.com.br, no período de agosto a outubro. Todos os trabalhos serão avaliados, em novembro, por uma comissão composta por especialistas em meio ambiente e representantes dos Diários Associados e Furnas. Em dezembro, os ganhadores vão ser anunciados durante uma cerimônia especial e serão publicados em um caderno especial, encartado no jornal Estado de Minas.

Mais de mil projetos já receberam destaque no Ouro Azul. Em 2010, mostrando a sua preocupação com a conscientização das futuras gerações, o Prêmio lançou a categoria mirim, que teve a participação de 287 projetos infantis.

Considerada parte fundamental para a perpetuação das ideias de preservação e conservação do meio ambiente, o envolvimento das crianças no Prêmio ajuda a criar hábitos importantes, como fechar a torneira durante a escovação dos dentes ou mesmo apagar a luz em ambientes vazios.

Para participar, os menores devem ter entre 5 a 10 anos e mostrar o seu “engajamento” na preservação e conservação da água, por meio de uma redação ou desenho feito a mão. É preciso mostrar atitude, originalidade e fidelidade ao tema para concorrer a premiação. Entretanto, mais do que um participante, os pequenos passam a ser também Guardiões Ouro Azul e cada um deles se torna importante disseminador das premissas do Prêmio.

Os exemplos podem vir de todos os lugares. Seja em uma grande empresa, em uma comunidade, na escola ou mesmo em casa, não importa de onde venha o exemplo. Se ele for bom, a gente mostra. Se inscreva e faça a diferença você também. 

Postar um comentário