Seguidores

3 de dez de 2007

Austrália ratifica Kyoto e isola EUA na oposição ao tratado

O novo primeiro-ministro da Austrália, o trabalhista Kevin Rudd, assinou nesta segunda-feira a documentação que levará à ratificação do Protocolo de Kyoto.

Com a ratificação australiana, os Estados Unidos agora serão o único grande país industrializado a não assinar o tratado sobre mudança climática.

A medida tomada por Kevin Rudd significa uma grande mudança em relação ao governo anterior, de John Howard, aliado dos Estados Unidos e que se opunha ao tratado há uma década.

Foi o primeiro ato oficial de Rudd como primeiro-ministro da Austrália, no dia em que ele tomou posse do cargo.

"Este é o primeiro ato oficial do novo governo australiano", disse.

Rudd acrescentou que, ao assinar o chamado Instrumento de Ratificação, ele demonstrou o compromisso de seu governo para o controle das mudanças climáticas.

O novo primeiro-ministro também promete iniciar uma nova era na diplomacia ambiental australiana, participando pessoalmente da Conferência sobre Mudança Climática da ONU, em Bali.

Com a ratificação, a Austrália deve se transformar em integrante efetivo do Protocolo de Kyoto a partir de março de 2008.

A medida também significa um importante rompimento com o governo de George W. Bush na questão da mudança climática.

fonte:BBC
Postar um comentário